Anac regulariza aeroporto em terreno que antes era de família de Aécio

O aeroporto de Cláudio no terreno que pertencia à família de Aécio Neves (PSDB), em Minas Gerais, foi homologado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), regularizando a situação das terras, antes investigadas pelo Ministério Público por pertencer a familiares do senador.

O Jornal de todos Brasis

Jornal GGN   –  21/09/2016

A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (20). Com a medida, a partir de agora, o aeroporto é legal, liberando o tráfego, inclusive, de jatinhos e aviões de pequeno porte.

O processo de homogolação da Anac foi iniciado em 2010, quando Aécio ainda era governador de Minas e ano em que as obras no aeroporto de Cláudio, que custaram  cerca de R$ 14 milhões, foram concluídas. Mas o terreno desapropriado em 2008 antes pertencia aos parentes de Aécio. E o aeroporto está localizado próximo de fazendas que ainda pertencem à família do senador.

O Ministério Público iniciou uma investigação em 2014 por crime de improbidade administrativa na construção do aeroporto, que possui uma pista de 1 km de extensão. No ano passado, o MPMG pediu o arquivamento da investigação, no dia 8 de julho, pelos promotores Maria Elmira Evangelina do Amaral Dick, Fernanda Karan Monteiro, Tatiana pereira, José Carlos Fernandes Júnior.

Para os investigadores de Minas, não foi constatado superfaturamento no valor da obra ou favorecimento à família de Aécio.

A simples decisão de ter um aeroporto colado em terras da família serviu para valorizá-las. Mas esse fato não foi considerado pelos procuradores.

http://jornalggn.com.br/noticia/anac-regulariza-aeroporto-em-terreno-que-antes-era-de-familia-de-aecio

Be the first to comment

Deixe uma resposta